• a1c1f1

08 passos de como fazer compras de roupas assertivas


Se você está pensando em comprar roupas, é essencial que você aprenda definitivamente a fazer compras assertivas e não por impulso, para assim valorizar o seu dinheiro.


Comprar com informação, sabedoria, disciplina, propósito e planejamento é o que realmente faz sentido e valoriza a imagem e um estilo pessoal.





Conheça 08 passos de como fazer compras de roupas assertivas:


1° Passo: Se organizar: Organizar o seu closet ou guarda-roupa é fundamental e super interessante a cada troca de estação outono-inverno / primavera-verão. Porque é aí que você percebe as peças que tem e que poderá usar na estação. É interessante pegar as peças em mãos, ver se ainda te serve, se representa quem você é, se precisa de algum ajuste, e o que vai para doação. Vendo o que você realmente tem e o que pode ser aproveitado você abre espaço certeiro para o novo (evitando a compra de peças "repetidas" (que criam o mesmo efeito visual), perceba as modelagens que você gosta mais, cores que usa mais e que se sente bem e assim vamos para o planejamento.


2° Passo: Planejamento: Faça uma lista de tudo que você realmente precisa (peças chaves que vão complementar o que você tem, e peças que você sabe que você usa muito e precisa ser renovada) e uma do que você gostaria de ter, para dar as devidas prioridades à isso.


3° Passo: Conheça seu estilo: Você é mais clássica ou adora adotar a última tendência do momento? Gosta de looks mais informais ou prefere estar sempre arrumadinha? Curte peças mais amplas ou que mostrem mais o corpo? As respostas a essas perguntas vão te ajudar a saber o que você realmente usa e esse é um passo importantíssimo pra comprar bem. Por isso a importância de você ter avaliado a suas roupas no primeiro passo. Conhecer o seu estilo é fundamental para se livrar da terrível sensação de ter um guarda-roupa lotado e nada para vestir.


4° Passo: Invista em peças que fazem sentido para o seu estilo de vida: Sabe aquela história de gostar de uma peça, mas ter que pensar na ocasião em que vai usar sem saber se vai combinar com as outras que você tem, se você vai ter ou não essa ocasião? Ou comprar só porque está "barato". Então, é aí que você alimenta um guarda-roupa que não te representa. Seja pratica, compre o que você vai realmente usar.


5° Passo: Imagine looks com a peça que você quer comprar: Toda vez que se for comprar crie pelo menos 2 - 3 looks que você possa combinar essa peça com as que você já tem.


6° Passo: Tire fotos no provador: Se a peça que você está propensa a comprar não está na sua lista de planejamento (2° passo) fotografe e vá embora, você terá um momento para pensar e perceber como está no seu corpo, se realmente aquela compra faz sentido, se representa quem você é, seu estilo, se combina com outras peças que você tem. No fim você vai perceber que muitas dessas compras impulsivas se você tivesse feito você teria se arrependido, ou no fim, deixado a peça parada no closet/guarda-roupa.


7° Passo: Entenda, preço baixo não é sinônimo de boa compra: E nem preço alto também. Existe uma técnica que é a seguinte, para saber se uma peça é cara ou barata (além de pensar no seu orçamento) é a seguinte: Divida o valor da peça pela quantidade de dias que você usou ou pretende usar, é aí que você descobre se essa peça vale a pena investir ou não. E saiba, o barato as vezes sai caro, se você se enche de peças baratas sem pensar nos passos que falamos anteriormente, você vai estar deixando de fazer um investimento maior em algo que realmente precise e que de fato iria usar. Pense nisso, porque: quantidade não é sinônimo de praticidade. Não adianta ter um closet / guarda-roupa lotado de peças que não te representam, que você não sabe combinar, que você não sabe onde usar, ou qual ocasião, não combinam com seu estilo de vida... Não adianta. Isso dificulta o seu dia a dia, te deixa presa em combinações que você já faz e não consegue sair daquilo, e pior, peças que só fazem volume e que ficam paradas ainda com etiqueta.


8° Passo: Determine valores de investimento: Porque não, nós não vivemos só de roupas, sapatos, maquiagem. Tenho certeza que você tem sonhos e desejos maiores, independente do seu nível social. Pensar no seu estilo, a sua comunicação através dele, sua imagem é importantíssimo assim como se vestir de forma autentica sendo quem você é mas procurando sua melhor versão também. Mas você deve determinar uma cota para poder fazer outras coisas na sua vida, viver outras experiências, viajar, investir, trocar de carro, enfim uma infinidade de outros objetivos que você possa ter.


Interessante né pessoal?! Com todas essas dicas fica mais fácil você reinventar o seu estilo, fortalecer a sua imagem, despertar a sua autenticidade e aprender na pratica a fazer compras assertivas, não é mesmo?!



Esperamos que você tenha gostado das nossas dicas!

Atenciosamente,

Equipe do Box Financeiro






Temos 02 convites especiais para você:


1- Conheça as nossas redes sociais e fique por dentro de novidades:


2- Participe do nosso Canal Exclusivo no Telegram:



0 visualização0 comentário